sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

35ª Edição Imagem

                                         Acabou!

                                    

Dessa vez não tem mais volta.
Você colocou  um ponto final
e eu agora caminharei mais uma vez com o coração machucado próprio de quem amou e de que não fora amada como desejaria.
Cansei de sentir saudades de você , até mesmo na sua presença eu sentia seu corpo olhava no teu olhar e percebia um olhar distante ,nada ali era meu,nem o teu amor ,eu continuei apostando em tudo dei o melhor de mim ,e quantas e quantas vezes esse barco fui eu mesma quem remei sozinha.
Por vezes fui eu , apenas eu, em outras vezes fui eu e fui você.
Agi como alguém que quer de sesperadamente salvar algo que nunca existiu ,e se existiu ,nunca me atingiu.
Eu não queria nada além do seu amor e nem isso  tive .
Sonhei , construi um futuro em meu pensamento e enquanto sonhava ,na realidade você destruía  tudo em que eu acreditava.
Me  vejo hoje entre o AMOR e a RAZÃO.
Entre a dor e a solidão.
Olho em todos os cantos e recantos , te procuro e não te encontro.
Imaginar que nesse momento seu amor , seu abraço e você é de outra deixa meu coração por inteiro partido.
Você não sabe o que  amar ,e se sabe nunca me amou.
Procuro um  abrigo dentro de mim mesma
um lugar em que possa me encontrar e mais uma vez seguir em frente ,e de novo amar ser feliz ,isso ainda é possivel.
Quero que na minha vida  seja sonhado os sonhos de Deus.
Que a minha história seja escrita pelo eterno , que as entrelinhas de dor sirvam apenas como experiência e superação por que eu posso ,quero e tenho o direito de encontrar essa tal e única felicidade de amar e ser amada.

                                 Por Sandra Nóbrega 

Texto para projeto SUAS PALAVRAS EDIÇÃO IMAGEM

Nenhum comentário:

Postar um comentário